O canadense Paul Hellyer se define como o primeiro político influente dos países desenvolvidos a atestar a existência de óvnis

[quote]”Parecia uma estrela, mas aquilo manobrou de tal forma que as estrelas não fazem. Devo admitir que quando vi aquele um, me perguntei se era extraterrestre ou americano. E eu acho que o pensamento que me ocorreu foi que, se ele é americano, então eles aprenderam alguns belos e grandes segredos sobre aceleração, porque aquilo acelerou em um ritmo que nada que eu conheça sobre o que já foi construído aqui é capaz de fazer.”

(Paul Hellyer, ex-ministro da defesa do Canadá, sobre o primeiro avistamento que teve de um UFO, junto com sua mulher, em Toronto)

[/quote]

Nos últimos dias, ganhou o mundo o discurso do ex-ministro canadense Paul Hellyer a respeito de sua convicção não apenas na existência e visitação extraterrestre ao nosso planeta, mas que de fato, eles estão entre nós

Hmmm… Então. Nada de novo no front!

Paul Hellyer é nome conhecido do “meio da ufologia” e não é a primeira vez que discursa publicamente a respeito de suas investigações pessoais deste fenômeno. Mesmo as declarações polêmicas de Paul, sobre a existência de determinadas raças ou espécies alienígenas coabitando conosco (extra-oficialmente é claro…) o nosso planeta, são também compartilhadas por outros militares, oficiais, astronautas, ex-funcionários da NASA, etc., (além de outras informações)  em um projeto que ficou conhecido como “Disclosure Project“. Falei sobre eles e sobre a liberação dos arquivos sobre investigações ufológicas pelos governos de alguns países no post:

– Projeto Disclosure + liberação de arquivos secretos sobre UFOs

Para quem não sabe, Paul tem também um livro publicado que trata um pouco sobre o assunto, chamado “Light at the End of the Tunnel: A Survival Plan for the Human Species” (em tradução livre minha, “Luz no fim do túnel: Um plano de sobrevivência para a Espécie Humana”) em que ele fala também de um governo oculto, responsável por uma conspiração sobre a realidade alienígena em nosso planeta (eu sei… como isso lembra Arquivo X!). O livro não busca “provar” ou fornecer provas, mas discutir o fenômeno e o “futuro da humanidade”.

Como eu havia dito em post anterior (e supracitado), a minha crença em OVNIs e extraterrestres é talvez um pouco menos “elaborada” do que a do ex-ministro canadense, ou a de que o grupo do projeto Disclosure propõe. Mas sinceramente, prefiro manter a mente aberta para estas possibilidades, afinal, sei por experiência e observação que a verdade muitas vezes pode ser mais estranha que a ficção….

Olhando alguns artigos e comentários internet afora, encontrei muita gente desmerecendo as alegações de Hellyer, utilizando como base a idade dele (89 anos – e não tem “mais nada a perder”, ou que deve estar “gagá”), o fato de ser político (e o estereótipo de que todo político é mentiroso ou só mente), e a pior: de que ele só está fazendo isso para vender seu livro… Tal tipo de postura também não é científica e também não prova nada. Não sei quanto a vocês, mas não costumo encontrar livros de ufologia entre os mais vendidos, por mais sensacionalista que se tente ser. Quanto as outras alegações, acho que nem preciso comentar… Particularmente, penso que tal tipo de desmerecimento busca somente evitar o debate a todo custo. Terminar a discussão sendo que ela mal começou. E enquanto isso, mais e mais pessoas (muitas delas pilotos de aeronaves, controladores de vôos, militares, etc) ao redor do mundo continuam surgindo com novos avistamentos (alguns realmente inexplicáveis, outros bem explicados), à semelhança do relatado por Paul Hellyer na introdução deste post, e no entanto o fenômeno permanece marginalizado e somente estudado com seriedade por um grupo sempre muito seleto (para não dizer diminuto) de pesquisadores, colocando suas carreiras e reputações em jogo, em meio a um mar de ridicularizações, fraudes, achismos e todo tipo de postura pra lá de anticientífica.

Enfim… os (muitos) grifos na notícia são meus.

Para quem quiser ver o discurso, já legendado em português, segue abaixo… e logo após, uma das notícias a respeito do discurso do ex-ministro.

+++

Paul Hellyer afirmou reconhecer ao menos quatro espécies de seres extraterrestres que habitariam o planeta

“Há ETs vivos na Terra neste momento, e pelo menos dois deles provavelmente trabalham com o governo dos Estados Unidos.” A declaração do ex-ministro da Defesa do Canadá Paul Hellyer, 89 anos, foi feita durante uma audiência pública sobre a existência de vida extraterrestre realizada em Washington, D.C. Diversos ex-senadores e membros da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos ouviram depoimentos de especialistas e testemunhas entre os dias 29 de abril e 3 de maio.

O canadense Paul Hellyer se define como o primeiro político influente dos países desenvolvidos a atestar a existência de óvnis

O canadense Paul Hellyer se define como o primeiro político influente dos países desenvolvidos a atestar a existência de óvnis

Paul Hellyer é um conhecido defensor da existência de extraterrestres. Em 2005, ele declarou abertamente que acredita em UFOs (objetos voadores não identificados), o que gerou grande repercussão no Canadá. Como ministro da Defesa Nacional canadense, em 1963, Hellyer foi responsável pela controversa integração entre o Comando Marítimo das Forças (Marinha), o Comando das Forças Terrestres Canadenses (Exército) e a Força Aérea Real do Canadá (Aeronáutica) em uma única organização: as Forças Armadas Canadenses.

Hellyer é o mais antigo membro do Conselho Privado da Rainha para o Canadá – que funciona como uma espécie de gabinete ministerial na monarquia constitucional do país. Ele afirma que passou a acreditar em óvnis quando teve uma experiência com sua mulher e amigos durante uma noite. Apesar de não ter levado muito em consideração quando viu o UFO, segundo seu relato, ele disse que manteve a cabeça aberta e passou a tratar o assunto – pelo qual se interessou há cerca de 10 anos – com seriedade.

“UFOs são tão reais quanto os aviões que voam sobre as nossas cabeças”, afirmou o político canadense no segundo dia de audiência (confira aqui o vídeo, em inglês). Ele fez parte de um grupo de 40 pesquisadores internacionais e testemunhas – entre militares e cientistas – que testemunharam suas experiências extraterrestres diante de seis ex-membros do Congresso americano na audiência pública não governamental encerrada na semana passada.

O ex-ministro da Defesa canadense afirmou ainda que investigações apontaram a existência de “pelo menos quatro espécies (extraterrestres) que têm visitado a Terra há milhares de anos” – com o que ele concorda. Houve também declarações sobre como diversos presidentes dos Estados Unidos demonstraram grande interesse sobre óvnis e, em alguns casos, tentaram sem sucesso obter informações específicas sobre a veracidade de casos extraterrestres.

Fonte: Terra