Apesar da notícia dar a entender que a Catedral de Sevilha já pode ser visitada pela internet, acessando o site do acervo virtual não pude encontrá-la ainda. Entretanto é possível ver alguma das fotos que serão disponibilizadas na visita virtual clicando aqui.

Enquanto as fotos da belíssima Catedral de Sevilha  não aparecem no site do projeto, é possível fazer visitas virtuais a outros templos e sítios históricos da Espanha, como a Catedral de Burgos, a Catedral de León, a Catedral de Zaragoza ou ainda a famosa Sagrada Família, entre vários outros!

Tanto o site como os textos-guia de cada templo/sítio estão em espanhol, com a opção de textos em inglês, e em alguns monumentos, catalão.

O site do projeto Ars Virtual: www.fundacion.telefonica.com/arsvirtual

+++

Após um trabalho de recriação digital feito com mais de 10 mil fotografias de um dos maiores templos góticos do mundo, a Catedral de Sevilha, no sul da Espanha, já pode ser visitada a partir desta segunda-feira em 3D pela internet.

Patrimônio da Humanidade desde 1987, a Catedral foi digitalizada no âmbito de um projeto da Fundação Telefônica chamado Ars Virtual, que já incorporou em seu site na internet mais de 60 monumentos da Espanha, da América Latina e do Marrocos.

Para acessar a Catedral de Sevilha, a página na internet, dentro do site da Telefonica (www.fundacion.telefonica.com/arsvirtual), oferece quatro entradas em zonas estratégicas, como o Retábulo Maior, o Pátio das Laranjeiras, ou a Porta do Perdão, que incluem sete ou oito fotografias de cada uma antes que o internauta possa interagir e “caminhar” pelas diferentes salas do monumento.

O índice do site na internet, disponível em espanhol e inglês, também permite acessar oito pontos de áudio-guia, que explicam a história da Catedral.

Interior - Catedral de Sevilha

Uma das opções da visita virtual é “sobrevoar” o monumento e ver de perto zonas em que os visitantes reais do local não podem se aproximar, indicaram os técnicos da Telefônica durante a apresentação oficial do site nesta segunda-feira.

O cardeal de Sevilha, Carlos Amigo, parabenizou os técnicos que tornaram possível o projeto e se mostrou confiante de que a visita virtual irá aumentar o número de visitantes presenciais.

O diretor do programa da Telefônica responsável pela virtualização de monumentos, Javier Barranco, afirmou que portal recebe cerca de 5 milhões de visitas por ano, a metade de fora da Espanha, o que ajuda a aumentar as visitas reais.

Fonte: Terra España