Uma missão arqueológica francesa descobriu a câmara funerária da rainha Behenu na região histórica de Saqara, 25 quilômetros ao sul do Cairo. Segundo os pesquisadores, a rainha era pertencente à VI dinastia que aconteceu do ano 2374 ao ano 2192 a.C. As informações são da agência EFE.

A câmara funerária foi encontrada durante os trabalhos de limpeza da Pirâmide de Behenu que fica nas proximidades da pirâmide do rei Pepi I, que pode ter sido o marido da rainha.

Arqueólogos franceses encontraram a câmara mortuária, em Saqara, próximo a Cairo

Arqueólogos franceses encontraram a câmara mortuária, em Saqara, próximo a Cairo

Fonte: EFE/Terra